The current Bet365 opening offer for new customers is market-leading bet365 mobile app You can get a free bet right now when you open an account.

Linha do Tempo

1995

Fundação da ABESE

A ABESE, Associação Brasileira das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança, é uma organização sem fins lucrativos que representa nacionalmente fabricantes, distribuidores, revendedores, empresas de monitoramento e rastreamento, projetos, instalação e manutenção de sistemas eletrônicos de segurança. Este segmento hoje, em nível nacional, é formado atualmente por mais de 22 mil empresas e tem tido um crescimento anual médio estimado em 8% (checar) nos últimos anos. A tendência é a de que este mercado continue crescendo: mais segurança, tanto pública quanto privada, é um desejo de toda a população brasileira. Garantir que os produtos e serviços de segurança eletrônica sejam oferecidos com cada vez mais qualidade ao consumidor final é uma das metas da ABESE. Ela foi criada em 1995 para dar estruturação ao crescimento desse setor. A iniciativa partiu de um grupo de empresários brasileiros que, à época, viam a grande necessidade de regulamentar o segmento de segurança eletrônica, bem como aprimorar continuamente a qualidade de seus produtos e serviços e aumentar a sua representatividade, em âmbito público e privado. A história da ABESE acompanha a evolução deste mercado.
1996

Planejamento Estratégico

Em 1996, a diretoria da entidade cria um planejamento estratégico contemplando os 20 anos seguintes.
1997

1ª Exposec e Eventos Regionais

Em 1997 inicia-se a realização de eventos regionais, com a ideia de fortalecer as lideranças locais e fomentar a ideia da criação de sindicatos patronais do setor. Estes eventos consolidam-se no calendário anual de atividades da ABESE e hoje ocorrem, ao longo do ano, em vários estados. Em 97 também acontece a primeira edição da Exposec, que se tornaria posteriormente a maior feira latino-americana e uma das maiores do mundo do segmento de segurança eletrônica e que, desde então, é realizada anualmente em São Paulo, atraindo expositores e público qualificado, nacional e internacional – um verdadeiro palco para exibir todas as grandes atualizações tecnológicas da área. Estima-se que 30% a 40% dos negócios realizados ao longo do ano no setor sejam originados dos contatos feitos durante a realização da Exposec.
1998

Missão Internacional

Em 1998 acontece a primeira missão internacional da ABESE: um grupo de associados visita a feira de Nova Iorque, a maior do mundo naquele momento. Nos anos seguintes ocorrem novas missões para Madri, China, Alemanha e Londres; o grupo de associados, além de conhecer as feiras, também realiza visitas técnicas e fecha acordos e negócios.
1999 - 2000

Centro de Treinamento ABESE

Em 1999 é criado o Centro de Treinamento ABESE, o CTA, visando oferecer capacitação profissional na área de segurança eletrônica. Em 2000 o CTA muda de nome para Centro de Capacitação Profissional ABESE e amplia sua oferta de cursos. Atualmente a ABESE oferece diversos cursos em todo o Brasil, várias vezes ao ano.
2002

Selo de Qualidade e Sieses

Em 2002, após dois anos de formatação, é lançado o Selo de Qualidade ABESE, que contribui para a autorregulamentação do setor. Neste mesmo ano as ABESEs regionais começam a tornar-se SIESEs, Sindicatos Estaduais das Empresas de Sistemas Eletrônicos de Segurança, em consonância com o planejamento estratégico inicial da ABESE.
2003

SIESE São Paulo e Paraná

Em 2003 nasce o SIESE São Paulo e, em seguida, o do Paraná. Começam as tratativas de convenção coletiva nos dois estados. De 2004 a 2007 os SIESEs vão se multiplicando pelo país. Hoje há 10 SIESEs reconhecidos e quatro em processo de reconhecimento.
2007

Michel Temer visita a Exposec

Em 2007 o então deputado federal Michel Temer visita a Exposec; representantes da ABESE expõem a ele a falta de ordenamento jurídico do setor e a necessidade de mudança. Deste contato nasce o projeto de lei 1.759, tratando da regulamentação do segmento de segurança eletrônica.
2008

Estatuto da Segurança Privada

Em 2008 a ABESE é chamada pelo Ministério da Justiça, junto com mais 16 entidades de classe, para compor uma comissão que debate as bases do Estatuto da Segurança Privada, dentro do qual o projeto 1.759 torna-se um capítulo. O Estatuto é finalmente aprovado em novembro de 2016 pela Câmara dos Deputados. Ele representa uma verdadeira vitória do segmento de segurança eletrônica no campo da regulamentação e da representatividade política.
2008

Comitê Brasileiro de Eletricidade

Em 2008 também é lançada a primeira norma brasileira do setor, para cercas elétricas – uma resposta à solicitação da ABESE junto ao Comitê Brasileiro de Eletricidade, o COBEI, da Associação Brasileira de Normas Técnicas, a ABNT. Em 2013 a entidade recontacta o COBEI e são iniciados os trabalhos normalizar os segmentos de intrusão, vídeo monitoramento e controle de acesso.
2009

FENABESE

Em 2009 é criada a Federação Interestadual de Sistemas Eletrônicos de Segurança, a FENABESE, reunindo sindicatos regionais e com a finalidade de coordenar e defender nacionalmente os interesses dos empresários de segurança eletrônica e de suas entidades representativas. Em 2016 ela é ratificada e atualmente está em fase de reconhecimento junto Ministério do Trabalho.
2010

Departamento de Segurança da FIESP

Em 2010 a ABESE é convidada a assumir uma cadeira no Departamento de Segurança da FIESP. Nos anos seguintes a entidade continuou trabalhando intensamente e acumulou mais algumas conquistas.
2013

Câmaras Setoriais

As Câmaras Setoriais internas se consolidam a partir de 2013, para debater necessidades específicas dos associados da entidade na área industrial.
2015

Código Nacional de Atividade Econômica

Em 2015, a ABESE consegue a obtenção do CNAE, o Código Nacional de Atividade Econômica, específico para o setor. Outra conquista no campo jurídico é o Código Brasileiro de Ocupação, CBO, definindo as funções de monitor interno, monitor externo, manutencista de sistemas eletrônicos de segurança e instalador.
2016

Parâmetros do Selo de Qualidade ABESE

Em 2016, os parâmetros do Selo de Qualidade ABESE são implementados dentro da própria entidade. As ações internas de planejamento e gestão são incrementadas.
2016

Programa de Reconhecimento de Certificações de Empresas Associadas

Também em 2016, a ABESE lança o Programa de Reconhecimento de Certificações de Empresas Associadas. Produto do trabalho de suas câmaras setoriais, a iniciativa contribui para a profissionalização do segmento e representa mais uma garantia ao consumidor final de que ele está contratando serviços de segurança eletrônica com qualidade.
2016

Guia do Consumidor

No mesmo ano a associação lança também uma edição atualizada do Guia do Consumidor para a aquisição de sistemas eletrônicos de segurança, apresentando orientações para que o consumidor final possa adquirir equipamentos e serviços de segurança eletrônica para a sua casa, seu condomínio, empresa ou qualquer outro local ou evento.